Recuperando roteadores com TFTP via dnsmasq

From Wiki Coolab
Jump to navigation Jump to search

Muitas vezes o roteador parece que morreu, e quando isso acontece precisamos fazer algumas mandingas para ressusitar o bixinho. E a maneira mais conssistente e segura de fazer isso é via tftp, porem existem n maneiras de fazer isso e muitas precisam de milhares de passos e, para mim pelo menos, sempre davam erradas... davam até eu conhecer essa maneira, via dnsmasq (viva meu guro Gui!)

O dnsmasq está presente nos sistemas baseados em linux a muito tempo e servem para resolver nomes, porem ele tem esse adicional ai que cria um servidor tftp de maneira muito simples e integrada ao sistema.

Guia definitivo do tftp, simples como você nunca viu.

Requisitos:

dnsmasq tcpdump

1 - Fixando endereços para o tftp

  • Conecte o roteador pelo cabo
  • Entre em modo de recuperação no roteador
  • Use o tcpdump para identificar o endereço que o roteador procura:

sudo tcpdump -nli eth0

  • Com sistemas baseados em openwrt esse endereço costuma ser:

endereço 192.168.0.66

mascara 255.255.255.0

gateway 192.168.0.86

  • Fixe seu ip conforme acima

- Criando o servidor tftp

Agora com o ip devidamente fixado novamente monitore a interface de cabo de rede com tcpdum.

sudo tcpdump -nli eth0

Procure pela linha onde o roteador pede pelo arquivo, no caso de um Archer C5 V1 com um firmware baseado em Openwrt o nome é ArcherC5v1_tp_recovery.bin. Baixe o firmware factory corresponde ao teu roteador e coloque esse nome na pasta /tmp.

Agora com o roteador conectado pelo cabo e com o arquivo devidamente copiado , rode o seguinte comando:

sudo dnsmasq -d --port=0 --enable-tftp --tftp-root=/tmp/